terça-feira, 1 de setembro de 2009

Jeitoso









Ontem não fiz o habitual tributo ao homem português, não foi propositado, apenas me lembrei de como tinha sido divertido o fim de semana, quebrar rotinas é bom.

Mas é também bom não esquecer de mimar quem merece ser mimado.
Não esquecer de agradecer a quem raramente se agradece, por apenas estar lá, do nosso lado.
Quem não poucas vezes ouve os nossos desabafos de mão dada, quem acolhe as nossas lágrimas com ternura, de quem nunca se ouve um queixume pelos gritos, pelas inseguranças.
Quem estabelece as barreiras da nossa loucura, quem torna segura a nossa existência, quem vive amparando as quedas.
Quem se rebela quando as nossas inseguranças são desproporcionais, quem grita mais alto quando nos rebaixamos sem razão, quem nos sacode da letargia.
Quem faz de mim uma pessoa melhor, quem me acarinha, quem me mima, quem me atura, quem me ama.

O meu rasgo de inspiração, numa noite fria, ou o aconchego de um corpo quando a alma pede apenas descanso. O toque suave de uma mão, o calor de um abraço e a suavidade lânguida de um beijo.

12 comentários:

Rafeiro Perfumado disse...

Vá, confessa, o mundo não teria piada sem nós... ;)

Beijoca!

Gata2000 disse...

Rafeiro - Absolutamente! Que piada teria a minha vida sem os homens que fizeram de mim a mulher que sou hoje. Nenhuma!

Beijos

PAULO LONTRO disse...

Gata, "ele/s" merece/m uma segunda feira das tuas...
:)

Gata2000 disse...

Paulo - Pois que vou levar em consideração esse teu pedido!

PAULO LONTRO disse...

Não é um pedido, é uma constatação, eles, os homens da tua vida (ou no caso este), merecem um post assim, sobre eles (ele)

:)

K disse...

Ai mulher que me deixas aqui a suspirar!

Muito bonito. Ou por outra palavra, companheirismo. E isso é que é difícil de encontrar!

Gata2000 disse...

Paulo - E eu que pensei que querias ver aqui umas meninas bonitas, mais ou menos desnudadas, como costumo fazer às segundas feiras, mas com jovens imberbes que fazem suspirar os corações femininos mais susceptíveis. :)

O homem da minha vida, merece isto e muito mais, mais que eu a maioria das vezes não consigo mostrar ou dizer, porque os dias se sucedem maus e porque como li um dia num livro que não me recordo do nome: é aos que nos são mais próximos que magoamos, ou com a espada ou com a pena.
E o homem da minha vida está sempre a ouvir queixumes, desagravos, porque está sempre lá, não me abandona e raramente me desilude.
Espero que nunca seja tarde demais para voltar com a palavra atrás, e dar o braço a torcer. Coisas que faço quando caio em mim e me apercebo que de uma forma ou outra o magoei sem necessidade, sem vontade e sem razão.

Gata2000 disse...

K - Não só é dificil de encontrar neka, como ainda é mais dificil de manter!

K disse...

Quanto a manter confio em mim, porque sou pessoa de não desistir e manter as coisas vivas (até onde seja possível e principalmente me deixarem). Mas sem encontrar vai ser difícil!!!

PAULO LONTRO disse...

Eu se quero essas meninas vou ao mue blog mesmo...
lol... lá não faltam, ora vê lá hoje por exemplo...
:)

Nunca é tarde demais para fazer e dar amor Gata.
A vida não é sempre perfeita, todos fazemos coisas que mais tarde têm consequencias que não prepectivamos e aí, basta corrigir o caminho. Para isto há sempre tempo e a tempo...
Só assim mantemos o que vale a pena!
Digo eu...

:)

Gata2000 disse...

K - Acho bem, cada coisa a seu tempo. Primeiro encontrar, depois manter o que valer a pena.
:)

Gata2000 disse...

Paulo - Eu acho que uma das minhas qualidades é não ser rancorosa, não conseguir ficar de "burro amarrado", e de arrepiar caminho quando o encontro errado, quando erro volto atrás e peço desculpa, tentando não cometer o mesmo erro 2 vezes.
E amar, sim Paulo, amar nunca é demais, e demonstrá-lo é fundamental, com os olhos, com as mãos, com os lábios, com o corpo, com as palavras e os actos. e sabe tão bem amar! :)