sábado, 30 de julho de 2011

Conversa de Café

Ele - Estás assim porquê?
Eu - Assim como, deprimida?
Ele - Sim, deprimida.
Eu - Porque.."life´s a bitch"
Ele - "and a damm ugly one"
Eu - Yah
Ele - Mas da última vez que te vi estavas tão gira. Ou melhor, tu estás sempre gira, mas às vezes estás diferente.
Eu - Verdade, continuo gira. Aliás, nem sei como consigo ser tão gira aos 37 anos e mesmo depois de ter sido mãe. Olho-me ao espelho e gosto do que vejo, só não gosto de quem sou, ser gira não é tudo.
Ele - Olha mas és esperta e isso não passa com o tempo.
Eu - Miúdo, tu és lindo, mas gosto de pensar que sou inteligente, esperta é a Puska.

9 comentários:

FATifer disse...

A intenção dele era boa mas digamos que foi um comentário à esperto e portanto não muito inteligente…
(a pergunta é se ele terá percebido a “subtileza” da tua observação?)

;)

Beijinhos,
FATifer

Gata2000 disse...

FATifer - Digamos que o miudo giro em questão me conhece há mais de 10 anos, sabe bem as minhas subtilezas :)

Beijos

Rafeiro Perfumado disse...

Não acho piada a essa frase "espertos são os cães". Isso é alguma indirecta à minha pessoa, ó gira e inteligente?

Gata2000 disse...

Rafeiro - Eu considero-te um rafeiro bastante inteligente! :)

Cris... disse...

Boa resposta para esse teu amigo.
Mas ele tem razão, a inteligência não passa com o tempo.
A vida é que às vezes é danada...se sei eu!

Gata2000 disse...

Cris - Não tenho tanta certeza que a inteligência por vezes não dê de frosques, tem dias que acho que os meus neurónios se queimaram de vez para a vida :)

Já tinha saudades tuas miuda :)

Cris... disse...

Hum...não acho que a inteligência nos abandone (repara como me incluo!ahahaha) é simplesmente que às vezes parecer burrinha é muito melhor.
Já dizia a Marilyn.

Cris... disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Gata2000 disse...

Cris - Houve uma altura em que pintei o cabelo de louro e dizia, com toda a convicção que se não percebia qualquer coisa era por causa das tintas :)