quarta-feira, 17 de junho de 2009

Se alguém lhe oferecer flores...

...isso não é impulse, pode ser alguém que lhe queira roubar um rim, ou que a queira violar, ou levar o carro, ou levar o que quer que seja.
Desconfiem de tudo e de todos!

19 comentários:

PAULO LONTRO disse...

Gata, desvenda lá o que te levou a escrever isto, é que seria bem melhor pensar que a razão era mesmo um impulso inevitável...

Gata2000 disse...

Paulo - LOL. Uma colega esteve aqui cerca de meia hora a falar de diversas formas de termos em atenção para não sermos atacados no meio da rua. Das novas formas de ataque, dos perigos que espreitam em cada esquina. E eu, que não tenho medo de sair à noite, não tenho medo de andar no carro sem as portas tracadas, que não tenho medo de conhecer pessoas novas estejam onde estiverem, fico a pensar se tenho de mudar a minha maneira de ser ou se por outro lado continuo a ser conhecida pelas pessoas que me rodeiam como Gata"Fearless"2000

Pax disse...

Ups, acho que me enganei no blogue!

:)

K disse...

Ahahahahahah! Bem, eu então já tinha desaparecido do mapa!!

LionMaster disse...

fonixxxx ja n dou flores a ninguem!! Ainda vou preso :P


Beijinhooossssssssssssssss

Pax disse...

Olha, afinal não enganei!

E há sempre a hipótese que seja só mesmo para violar e não levem nada... menos mal!

Cris... disse...

Muito bonito o blog!

Ah, e a verdade é que eu, que, como tu, também não costumo ter medo, não corro esses riscos.
A mim não há quem tenha tomates de me oferecer flores.
Tenho um sinal subtil no olhar...e recuam!
lol

Gata2000 disse...

Pax - O blogue teve um up grade na imagem mas ainda não está como quero. vou ter de por o informatico lá de casa a trabalhar, depois sim, vai ficar a meu gosto!

Gata2000 disse...

K - O pior é que segundo os mails que circulam na net, e as más linguas das minhas colegas, muitos já desapareceram do mapa.

Gata2000 disse...

Lion - Acho que desde que não seja desconhecida não corres risco.

Gata2000 disse...

Pax - Agora imagina que em vez de te aparecer um violador igual ao senhor governador do "equador" te aparece o emplastro, ainda achas menos mau? tenho serias duvidas

Gata2000 disse...

Cris - Mas o problema é que eu não tenho nenhum olhar subtil no olhar, sou franca, isso nunca me passa pela cabeça, aliás, quando olho para trás e penso nas coisas que fiz quando era mais jovem, sinto que sou uma sortuda. Todos os carros em que entrei de desconhecidos sempre me levaram ao destino sem problema, mas e se isso não tivesse sido assim?

Anónimo disse...

Filho - Oh mãe os meninos na escola chamam-me maricas!

Mãe - Então e tu não lhes bates?

Filho - Mas eles são tão bonitos!


(O que é que isto tem a ver com o post? Nada. Mas achei fofo por causa das flores e tal....)


V!tor

PAULO LONTRO disse...

Filho - Oh mãe os meninos na escola chamam-me monstro!

Mãe - Então e tu não lhes bates?

Filho - Não!

Mãe - Então bate, põe o chapéu e o boné e vai lá!

Sorry V!tor mas adorei o teu "conto"
lol...

Gata2000 disse...

Vitor - Tu és mesmo querido, gosto tanto de ti. Com flores e tudo.

Olha lá ainda não consegues entrar com o teu mail do sapo, é que ontem estive a tentar alterar isso.

Gata2000 disse...

Paulo - Olha outro que é fofinho e querido. Também gostas de flores? ;)

K disse...

Isso é tudo mentira! Estou cá para provar que se um estranho nos oferecer flores, além de não nada a ver com o impulse, não desaparecemos do mapa!

Gata2000 disse...

K - Já houve um desconhecido a oferecer-te flores?
Que giro, a mim foi um vaso com um manjerico, nos Santos Populares há uns 7 anos.Também não aconteceu nada, e eu tive pena porque ele tinha uns olhos lindos, mas a minha amiga achava que eu estava bebeda demais para me deixar dar-lhe o numero de tlm, embora eu quisesse.

K disse...

Já houve 3 desconhecidos a oferecerem-me flores, assim sem grandes intenções, só pela oferta (exceptuando o primeiro, mas na altura tinha alguém e eu sou uma gaja fiel). E um outro ofereceu-me um boneco - tinha aí os meus dezassete aninhos numa disco no Bairro cujo o nome me escapa. E outro, um daqueles punks-anarcas-agarrados-homeless, deu-me um daqueles lenços em formato flor que vêm em caixas plásticas (não sei onde raio tinha ele desencantado aquilo) só porque me achava querida ou qualquer coisa assim - deve ter sido a explicação para o meu presumível ar assustado! Mas são lembranças que guardo com carinho. Porque foram apenas e realmente ofertas. Até tenho umas histórias engraçadas!

Mas a conclusão da tua está divinal! ahahahahahahah